Notícias

BMW S 1.000 RR ganha série especial TT Isle of Man Edition

Edição limitada de 50 unidades só sairá na cor verde metálica - e só será vendida na França...


Roberto Dutra

Mototour

28/06/2021 18h58

A França é um grande mercado para a BMW. Em abril, a marca lançou por lá a série especial Force para a roadster F 900. Era uma versão com pintura nas cores azul e amarela, que segundo a marca foi "inspirada" no visual de caças de combate. E agora os franceses têm, mais uma vez, direito a outra série exclusiva - a BMW S 1.000 RR TT Isle of Man Edition.

A edição limitada celebra a corrida "TT", realizadas anualmente na Ilha de Man. É considerada a prova com motos mais arriscada do mundo, pois tem trechos de rua e estradinhas bem estreitas - quase sempre à beira de abismos, pirambeiras e pradarias repletas de pedras - nas quais os pilotos não raro passam dos 200km/h.

A BMW S 1.000 RR TT Isle of Man Edition terá apenas 50 exemplares produzidos, todos devidamente numerados. E todas serão pintadas na mesma cor verde metálica batizada de "M Isle of Man Green" - essa cor não faz parte das opções originais para a moto. Mas já foi usada em automóveis da marca com acabamento "M Perfomance", como o M3 Competititon que aparece na imagem - lançado recentemente na França

Aliás, foi o carro que levou divisão de motos pelo mesmo caminho - criar uma versão especial de alguma motocicleta da marca. A escolhida foi a S 1000 RR, que por sinal foi a primeira moto da BMW a ganhar uma versão "M" e peças "M Performance". Além disso, todo ano algumas S 1.000 RR participam da prova na ilha. É justo.

A BMW S 1.000 RR TT Isle of Man edition tem características únicas, como a iluminação full-LED em tom amarelo, a tampa do tanque em fibra de carbono, as inscrições estilizadas "S 1000 RR Isle of Man Edition" no tanque (e, ao lado, o número da moto) e os bancos em couro Alcântara preto com faixas de couro na cor cinza fornecidos pela grife Merino Silverstone.

A parafernália eletrônica estpá lá, claro. A moto tem controles eletrônicos de tração, de largada com GPS, de cruzeiro e anti-empinamento, e ainda punhos aquecidos, modos de pilotagem Pro e controle de cruzeiro. Além disso, sai de fábrica equipada com alarme, pedaleiras e banco para garupa, escape de titânio da grife Akrapovic, corrente "M", bateria leve "M", balança "M", aros forjados "M" e acabamentos em fibra de carbono.

O motor é o mesmo das versões habituais: um poderoso quatro cilindros em linha com 999cm³, comando de válvulas variável, 204cv de potência a 13.500rpm e 11,5kgfm de torque a 11.000rpm. Lá na França, vai custar 33.005 Euros - pouco mais de R$ 193 mil.

Notícias relacionadas

Honda CRF 1.100L Africa Twin 2021 é lançada oficialmente

Cidade de Socorro, no interior de São Paulo, amplia os negócios do setor de mototurismo

Kawasaki Vulcan S: a versão "Cafe" está de volta

Haojue confirma chegada da Master Ride 150 em setembro

Harley-Davidson revela a nova geração da Sportster

BMW confirma a nova G 310 GS para agosto

Royal Enfield: enfim a Meteor 350 está entre nós

Com inauguração de novas lojas, Royal Enfield reafirma disposição de ter forte presença no mercado brasileiro

Nova geração da BMW R/GS é flagrada em testes de rodagem

Himalayan deve ganhar o motor de 650cm³ das "twins" Interceptor e Continental GT

Mototour - Seu portal em duas rodas, Motos, Encontros de Motociclistas, Moto Clube e muito mais...

Todos os Direitos Reservados