Notícias

Uma Tiger feita para o asfalto

Triumph lança a versão 850 Sport, focada no uso em estradas pavimentadas


Roberto Dutra

Mototour

23/11/2020 18h38

Conforme antecipamos aqui no Mototour, a Triumph inglesa apresentou oficialmente a Tiger 850 Sport, uma versão da conhecida linha de modelos on/off completamente voltada para o uso em estradas pavimentadas. Essa versão usa a mesma "plataforma" das outras (leia-se chassi e motor), mas nao quer nem saber de terra.

De fato, é uma moto talhada para longas viagens sobre pisos bons. Basta ver as especificações - típicas de motos de alto desempenho no asfalto. Estão lá freios Brembo Stylema com dois discos de 320mm na frente, suspensão dianteira invertida fornecida pela Marzochi, painel com tela TFT de 5 polegadas, dois modos de pilotagem (road e rain, estrada e chuva), acelerador eletrônico (sem cabos), ABS, controle de tração desligável, iluminação full-LED, embreagem assistida e deslizante e para-brisa com altura regulável.

A vantagem aqui é que essa Tiger Sport mantém certas virtudes "off" das outras versões, como os longos cursos das suspensões (18cm na frente e 17cm no monochoque traseiro, que é a gás). A moto ainda tem outros baratos, como guidom e banco com regulagem de altura, tancão para 20 litros de combustível, tomada 12V que permite dar carga em gadgets enquanto se está viajando com a moto.

O motor é um pouco menor que os das: o tricilíndrico tem 850cm³, rendendo 85cv e potência a 8.500rpm e 8,3kgfm de torque a 6.500rpm. Na Europa, há uma versão da moto com menos potência, para atender clientes com habilitação A2. As Tiger vendidas no Brasil têm 900cm³, 95cv de potência a 8.750rpm e torque de 8,8kgfm a 7.250rpm.

Agora vem a notícia ruim: essa versão não tem previsão de ser comercializada no mercado brasileiro. Uma pena, pois lá na Inglaterra ela é a mais barata das Tiger - custa 9.300 libras esterlinas, ou cerca de R$ 67 mil (aqui a Tiger mais barata e "pelada" está em R$ 50 mil). E lá ela terá uma linha com cerca de 60 acessórios exclusivos, caso de baús laterais e traseiro (52 + 42 litros) criados em parceria com a Givi italiana.

Notícias relacionadas

Harley-Davidson Pan America custará US$ 17 mil nos Estados Unidos

Royal Enfield abrirá quatro novas concessionárias no Brasil até março

Seguro DPVAT será administrado pela Caixa Econômica Federal

Harley-Davidson do Brasil tem planos de financiamento com parcelas baixas e recompra garantida em janeiro

Convocação extraordinária: recall para a Honda CRF 1.000L Africa Twin

Seguro DPVAT não será cobrado em 2021

Kawasaki começa a vender a Versys X-300 2021

Um torpedo de fina estampa

Harley-Davidson anuncia data de lançamento da Pan America 1.250

Kymco entra na onda dos scooters "aventureiros"

Mototour - Seu portal em duas rodas, Motos, Encontros de Motociclistas, Moto Clube e muito mais...

Todos os Direitos Reservados